quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Viagem ao Paraguai

Voltei após quase uma semana afastado da net. - "Mas porque? O que aconteceu?", pergunta ninguem.
Bom fui viajar para a Paraguai de carro, e resolvi contar um pouco como foi essa viagem, caso alguem pergunte eu só passo o link desse post para informar rsrsrsrs. Outra coisa, sem fotos (deixei o celular em casa).

Eu, meu primo, meu cunhado e mais um amigo resolvemos ir para o Paraguai de carro, saindo de Canoas (pertinho de Porto Alegre) com a GPS ligado e uma rota do Google Map na mão, lá fomos nós no final de tarde.
Para ir foi tranquilo, ninguem se perdeu e nem paramos muito, o que atrapalhou um pouco foi a chuva e os trechos ruins que nos foi cobrado pelos vários Pedagios pelo caminho.
Depois de horas a fio sem dormir, ninguem do carro piscou durante a viagem, não tinamos muita experiência em viagens longas e nem viagens longas, durante a noites chuvosas, resumindo chegamos no Paraguai.
Detalhe importante durante a ida não paramos para jantar durante o horário normal, resultado: restaurantes fechados, só lá pelas 3 da matina que passamos por uma churrascaria e Rodizio 24 horas em uma cidadezinha de Santa Catarina, mas ninguem comeu lá, motivo: rodizio de SOPÁ. Sério quem é que vai de madrugada tomar sopa de algum rodizio? Nunca.

No Paraguai não achei nada de extraordinário, parecia a 25 de Março em Sampa só que maior (bem maior), depois de comprar umas "lembranças" claro respeitando as leis da alfandega. (DICA: sempre se informe como funciona as leis aduaneiras antes de viajar para outro Pais, só para evitar confuzões.)

Uma coisa engraçada foi que semana antes de viajar, passei horas garimpando na Internet sobre o que comprar no Paraguai,(Um bom site de referencia é o www.comprasparaguai.com.br) fiz uma lista com os produtos, preços em dolar, preços convertidos em reais, lojas e endereços, etc... Para imprimir colocar no bolso e só vi a lista quando voltei para casa, acabai comprando de outras lojas que não estava na net e eram mais baratas, e algumas coisas que marquei para comprar, acabei nem vendo.

A volta que foi interessante mesmo, saimos de tarde de Foz do Iguaçu (sem ninguem ter dormido ainda) e pegamos a estrada de volta. Tudo que é desculpa que podem inventar para as namoradas o do "porque" do atraso, aconteceu com a gente.

18:00 - Trechos em obras - resultado: marcha lenta.

20:00 - Chuva no maximo, vibibilidade 20m - resultado: 4 horas parados em algum posto.

01:00 - Sem a chuva seguimos viagem, mas esperem o que aquilo no meio na estrada? É um passaro? É um caminhão? Não é uma ÁRVORE no meio da Pista, lá se vai mais algumas dezenas de minutos.

09:00 - "Ué? Não lembro de ter visto Passo Fundo no mapa". Paramos para um Coofee rápido no acostamento e ver para onde ir. Não se passaram 5 minutos. "Olha a policia Rodoviaria vindo bater um papo." Depois de quase uma hora revistando o carro e estranhando o que estavamos fazendo em Passo Fundo numa viagem do Paraguai para Porto Alegre, ainda mais com GPS ligado. E porque um Paulista estava fazendo por aquelas bandas. (não tenho culpa se a familia resolveu se mudar de estado). Mas tudo bem os policiais viram que estava tudo em ordem nos deram uma bronca por pararem no acostamento para tomar café e nos liberou sem menhum problema.

Horas? - Passando por Lajeado, mais precisamente na Serra, começamos a escutar um barulho diferente, alguns de nós pensou ser alucinação pela falta de dormir, mas paramos o carro em um Refugio na estrada e fomos ver o que era. Freio quase Zero de tão quente que tava,(só lembrando, já fazia dois dias e mais de 1.500 Kilometros que o carro não descança mais do que 6 horas.) esparamos e seguimos viagem até o barulho aumentar. Paramos novamente e vimos que uma dos rodas trazeiras estava quase solta. (claro de depois que voltemos as nossas cores normais arrumamos a roda e seguimos viagem, chegando são e salvos só com duas coisa em mente. Comer e dormir.

Esse é o resumo da minha primeira viagem ao Paraguai. Na proxima vai ter fotos rsrsrs. Mas ninguem está pensando em ir novamente para lá tão cedo.

2 comentários:

Anônimo disse...

Ola meu amigo.Uma vez eu e minha mãe fomos ao paraguai, de excusão, daquelas bate/vola, e minha querida mamy resolveu ir ao banheiro. Por ironia do destino, o motorista perdeu o controle do onibus, atravessou o veiculo na pista, isso de madrugada, e arrebentou a lateral do onibus, mas adivinha onde estava mamãe no meio da confusão? No banheiro do ônibus, toda trancada, quase caindo pelo buraco do assoalho. Quando conseguiram tirar a mamãe de lá. o banehri foi interditado...,as a mamy estvaa sava. Viagem de muambeiro dá nisso. Abraços.

Rodrigo Borges disse...

huahuaua, que bom que nada aconteceu a vocês, só susto mesmo. Já pensamos em ir de onibus, mas não temos certeza da segurança.

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Sweet Tomatoes Printable Coupons